fbpx

Oferta e demanda

Nesse artigo vamos refletir sobre um conceito importante da prosperidade que é a oferta e demanda
oferta e demanda

Um trabalho com propósito é compreender o que você tem de melhor para oferecer e o que o mundo precisa comprar de você.”

Essa frase nos mostra a necessidade de aliarmos o que amamos e sabemos fazer às necessidades dos outros. Ela também nos lembra de olharmos a questão por um viés mais mercadológico, considerando, para tanto, a pergunta: “Do que o mundo precisa?”

Inscreva-se para receber artigos toda semana

Retomando o exemplo do burnout, os psicólogos sabem que, com a pandemia, as pessoas estão trabalhando muito e estão surtando. Então, não é esse o momento de fazer um projeto para ajudá-las? Essa é uma oportunidade de mercado. Ademais, o psicólogo que fizer esse projeto vai estar não só ajudando as pessoas, mas também fazendo o que gosta e ganhando dinheiro. Esse exemplo pode ser estendido para todas as profissões e atividades.

Precisamos nos perguntar do que o mundo precisa e, em cima disso, buscar nossos talentos e gostos, bem como aquilo que amamos fazer, de forma a criarmos um produto que sane essas necessidades. Não é falta de espiritualidade falar em produto, pois estamos oferecendo algo de que as pessoas estão precisando. Assim, temos uma demanda e ajudamos as pessoas a saná-la fazendo o que gostamos.

Buda dizia que a causa de todo sofrimento é a ignorância. A ignorância é a falta de sabedoria. Por isso, precisamos usar nossa sabedoria para considerarmos a existência do mercado e percebermos as necessidades específicas que a população tem hoje.

Trago o exemplo de uma amiga psicóloga que usou sua sabedoria criando um projeto de atendimento on-line, com preços mais populares, e que está, atualmente, atendendo diariamente. Ela ajuda as pessoas, faz o que gosta e está ganhando dinheiro. Essa profissional viu que, com a pandemia, as pessoas estavam precisando mais do que nunca de ajuda psicológica, mas esse auxílio teria que ser on-line e com valores que elas pudessem pagar. Ela precisou abrir mão do consultório para aproveitar essa oportunidade de mercado que iria fluir muito mais que o atendimento presencial. Lutar contra esse movimento seria tentar vender máquinas de escrever em plena era da tecnologia.

Mas quantas vezes não vamos contra a correnteza porque insistimos em ideias pré-formadas de como algo deve acontecer? Porém, quem determina o que e como as coisas são consumidas são as pessoas, é o mercado, não somos nós. Em qualquer área, existem milhares de formas de se atuar, desde que tenhamos a sabedoria de observar a real necessidade das pessoas e como podemos oferecer isso de que elas precisam.

Um terapeuta pode determinar que vai trabalhar apenas com arquétipos e, assim, terá uma meia dúzia de clientes. Ou ele pode trabalhar com pacientes que estão com depressão e, assim, a agenda vai encher. Nas duas formas, está atuando em psicologia e ajudando as pessoas, mas só em uma terá mais demanda. E a prosperidade tem a ver com possuirmos a sabedoria necessária para entendermos o que as pessoas querem e do que elas precisam.

Bill Gates percebeu que computadores domésticos iriam ajudar as pessoas a realizar tarefas mais facilmente e, partindo dessa percepção, ganhou muito dinheiro. Elon Musk está trazendo veículos elétricos, pois percebeu que os veículos movidos a petróleo estão com os dias contados.

Quando unimos o que amamos fazer ao que o mundo precisa, o dinheiro naturalmente flui. E, repito, vamos largar a ideia de que dinheiro não é espiritual, pois podemos ganhar dinheiro prejudicando as pessoas, mas também podemos ganhar dinheiro as ajudando.

Livros Recomendados:

Copyright do texto © 2022 Tibério Z Dados internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste artigo pode ser reproduzida ou usada de qualquer forma ou por qualquer meio, eletrônico ou mecânico, inclusive fotocópias, gravações ou sistema de armazenamento em banco de dados, sem permissão por escrito, exceto nos casos de trechos curtos citados em resenhas críticas ou artigos de revistas. (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) ISBN: 978-65-00-27681-7

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante:Esse site faz uso de cookies para melhorar a sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse.