Sensações da Projeção Astral: Desvendando a Experiência

sensações da projeção astral e fora do corpo

Sensações da projeção astral são componentes fundamentais da experiência que transcende o entendimento comum da realidade e da consciência. Este artigo explora a diversidade e a profundidade dessas sensações, revelando como a consciência, ao invés de se transferir de um estado a outro, existe simultaneamente em múltiplos corpos.

O foco da consciência pode mudar, levando a sobreposições de percepção que resultam em experiências fora do comum. À medida que a prática de projeção astral se desenvolve, as sensações iniciais, que podem variar de formigamentos a percepções de luzes e cores, tornam-se familiares e até agradáveis.

A chave para uma jornada enriquecedora na projeção astral reside em acostumar o cérebro físico a estas manifestações da consciência expandida.

guia completo de projeção astral

Sensações da Projeção Astral Físicas

A projeção astral é um fenômeno bioenergético que envolve a transferência de foco da consciência do corpo físico para o corpo astral. Este processo é natural e ocorre em todos os seres vivos, diariamente. No contexto humano, a projeção astral acontece quando as frequências cerebrais transitam dos estados beta e alfa, associados à máxima atenção na realidade tridimensional, para os estados theta e delta.

Essa mudança de frequência promove o desligamento da consciência da realidade tridimensional e seu subsequente deslocamento para o corpo astral. Abaixo, exploraremos as sensações associadas a este fenômeno, com ênfase em uma abordagem direta e explicativa.

Durante a transição de consciência do estado vigília para o corpo astral, o indivíduo pode ou não permanecer consciente. Quando a consciência permanece ativa durante esse processo, uma variedade de sensações bioenergéticas podem ser experimentadas. Essas sensações são frequentemente mal interpretadas ou podem causar medo em indivíduos não familiarizados com o processo.

Compreendendo os Corpos Dimensionais

O entendimento dos corpos dimensionais é essencial para explicar as sensações vivenciadas durante a projeção astral. Tradicionalmente, consideramos nosso ser como um único corpo físico. No entanto, a realidade é mais complexa e multifacetada.

Somos compostos por cinco corpos separados, cada um operando em diferentes estados vibracionais. Estes corpos são o físico, o etérico, o astral, o mental inferior e o mental superior. A percepção e interação com cada um desses corpos oferecem sensações únicas, muitas vezes interpretadas através do cérebro físico devido ao nosso condicionamento.

Corpo Físico

O corpo físico é o mais denso e o único tangível no plano material. Ele serve como o veículo para a nossa experiência terrena, permitindo-nos interagir com o mundo físico.

Corpo Etérico

O corpo etérico, também conhecido como o duplo etérico, é uma réplica energética do corpo físico. Ele é composto por energia vital e é responsável pela transmissão de energia entre os corpos físico e astral. Sensações de fluxos energéticos e vibrações intensas são comuns quando a consciência se conecta a este corpo.

Corpo Astral

O corpo astral permite experiências emocionais e sensoriais fora dos limites físicos. É o veículo para a projeção astral e as viagens fora do corpo, operando em um estado vibracional que permite a liberdade de movimento através de dimensões.

Corpo Mental Inferior

Este corpo está associado ao pensamento concreto e à racionalidade. Ao conectar a consciência a este corpo, é possível perceber formas-pensamento e padrões mentais de maneira visual ou sensorial.

Corpo Mental Superior

O corpo mental superior está relacionado ao pensamento abstrato e à compreensão espiritual. Ele permite acesso a insights superiores e à sabedoria universal.

Dupla Percepção: Interpretando Sensações Através do Cérebro Físico

A experiência de sensações em corpos não físicos enquanto encarnados apresenta um desafio único: a dupla percepção. Devido ao uso predominante do cérebro físico em nossa vida diária, tendemos a interpretar sensações de outros corpos dimensionais através deste filtro. Essa interpretação pode causar estranhamento ou incompreensão, pois as sensações vivenciadas em estados vibracionais diferentes não têm correspondência direta no mundo físico.

A conscientização e o treinamento podem ajudar a distinguir e compreender melhor essas sensações, permitindo uma integração mais harmoniosa das experiências multimensionais. Reconhecer a existência e a função de cada corpo dimensional abre caminho para um entendimento mais profundo do nosso ser e das vastas possibilidades de percepção e interação com o universo.

Sensação da Projeção Astral de Paralisia do Sono

A sensação de paralisia do corpo, também conhecida como catalepsia projetiva, é um estado que muitos já experimentaram ao longo da vida, frequentemente associado a experiências de terror noturno ou presenças espirituais. Contudo, é importante esclarecer que este é um estado natural de transição do foco da consciência entre o corpo físico e o astral.

Durante este momento, a consciência encontra-se dividida: uma parte focada no corpo astral e a outra ainda conectada ao corpo físico. Como o corpo físico está em repouso, e o cérebro opera em frequências como Theta e Delta — típicas do sono profundo — a pessoa torna-se incapaz de mover o corpo físico.

Este fenômeno ocorre porque, embora parte da consciência esteja explorando ou pronta para explorar o plano astral, a outra parte ainda está vinculada ao corpo físico, que naturalmente entra em um estado de imobilidade.

Adicionalmente, é comum que, ao experimentar a catalepsia projetiva, algumas pessoas relatem abrir os olhos e ver o ambiente de maneira diferente, muitas vezes percebendo tons amarelados ou uma percepção visual alterada. Isso acontece porque a percepção não está inteiramente no corpo físico nem totalmente no astral, mas numa fase de transição entre os dois.

Assim, o que se vê é uma mescla da percepção física dos olhos abertos e da percepção não-física do corpo astral, criando uma experiência visual única que pode incluir alterações na cor, na luz e na textura do ambiente percebido.

Compreender a catalepsia projetiva como uma fase natural do processo de projeção astral ajuda a desmistificar o fenômeno, permitindo que aqueles que o experimentam possam abordá-lo com menos medo e mais conhecimento.

Reconhecer que não se trata de uma experiência sobrenatural ou de uma ameaça, mas sim de uma etapa na exploração da consciência além do físico, é fundamental para uma prática segura e enriquecedora da projeção astral.

Sensação da Projeção Astral de Vibração

Ao abordarmos a transição da consciência entre o corpo físico e o astral, é crucial entender o papel do corpo etérico neste processo. O corpo etérico é uma versão mais sutil do corpo físico, operando em uma frequência vibracional distinta e cercado por um campo eletromagnético que envolve todo o corpo físico. Durante a transição para o estado astral, a consciência passa por este campo eletromagnético, o que pode provocar sensações intensas devido à diferença nas frequências vibracionais.

Esta fase da transição é marcada por sensações que podem ser descritas como intensas vibrações ou um aumento na percepção de energia ao redor e dentro do corpo. Essas vibrações são o resultado direto da interação da consciência com o campo eletromagnético do corpo etérico. À medida que a consciência se desloca para o corpo astral, ela experimenta uma faixa de frequência vibracional que é diferente daquela a que está acostumada no estado físico.

A experiência de transição através do corpo etérico para o astral é um aspecto natural do processo de projeção astral. As sensações de vibração e o aumento da percepção energética são indicativos de que a consciência está se movendo para além das limitações do corpo físico, preparando-se para experiências em dimensões não físicas. Compreender este processo ajuda a normalizar as sensações experimentadas durante a transição, permitindo uma abordagem mais consciente e menos temerosa da projeção astral.

É importante para aqueles que praticam ou estudam a projeção astral reconhecer essas sensações como parte integrante do processo de transição entre os corpos dimensionais. A familiaridade com essas experiências contribui para um maior conforto e controle durante as práticas de projeção astral, facilitando uma transição suave da consciência do corpo físico para o astral.

Sensações da Projeção Astral - Vibração

Sensação da Projeção Astral de Peso no Corpo

A sensação de peso durante a projeção astral pode ser compreendida através do fenômeno da bipercepção da consciência. Conforme explorado, a consciência está presente em todos os corpos simultaneamente. Durante a projeção astral, pode ocorrer que parte da consciência ainda esteja ligada ao corpo físico, enquanto outra parte já esteja ativa no corpo astral. Isso resulta em uma sobreposição das consciências, o que pode causar confusão ao cérebro físico.

Esta sobreposição gera a sensação de peso porque, embora a maior parte da consciência já esteja no corpo astral — que é intrinsecamente mais sutil — uma porção dela permanece no corpo físico, que é mais denso. Assim, ao processarmos a percepção do peso do corpo físico com a consciência situada parcialmente no corpo astral, este peso é percebido como muito mais intenso do que realmente é.

Este fenômeno destaca a complexidade da experiência de projeção astral e a importância de compreender as interações entre os diferentes corpos dimensionais. A sensação de peso, portanto, não é um indicativo de algo errado ou anormal, mas sim uma parte natural do processo de transição da consciência entre os estados físico e astral. Reconhecer e entender esse processo ajuda a mitigar qualquer desconforto que possa surgir durante as práticas de projeção astral, facilitando uma experiência mais fluida e enriquecedora.

Sensação da Projeção Astral de Flutuar

A sensação de flutuar durante a projeção astral é um fenômeno diretamente relacionado com a bipercepção da consciência. Diferente da sensação de peso, que ocorre devido à sobreposição das percepções do corpo físico mais denso e do corpo astral mais sutil, a sensação de flutuação é experimentada quando a consciência está mais alinhada com o estado do corpo astral. Neste momento, o cérebro físico está interpretando a experiência do ponto de vista do corpo astral, resultando em uma sensação de leveza e ausência de peso.

Esse fenômeno acontece porque, no estado de projeção astral, a consciência está parcialmente ou totalmente engajada com o corpo astral, que não é limitado pelas leis físicas da gravidade e da matéria densa. Assim, enquanto parte da consciência ainda pode estar ciente do corpo físico, a percepção predominante é aquela do corpo astral, onde a sensação de flutuar livremente é natural e esperada.

A interpretação dessas experiências pelo cérebro físico pode variar de pessoa para pessoa, dependendo de sua sensibilidade, conhecimento e preparação para a projeção astral. Por isso, a sensação de flutuação é um indicativo de que a consciência está transitando com sucesso para uma experiência fora do corpo, permitindo uma exploração mais profunda dos planos astrais.

Entender essas sensações como parte do processo de projeção astral ajuda a normalizar a experiência e a reduzir qualquer resistência ou medo que possa surgir. Isso também enfatiza a importância de desenvolver uma compreensão clara dos diferentes estados de consciência e como eles se relacionam com os diversos corpos dimensionais que compõem o nosso ser.

Sensação da Projeção Astral de Formigamento

Durante a projeção astral, muitas pessoas relatam uma sensação de formigamento. Este fenômeno ocorre quando a consciência se encontra numa fase de transição entre o corpo físico e o corpo etérico. Para compreender melhor este processo, é importante lembrar que o corpo etérico é constituído de energias mais sutis, incluindo cargas elétricas e campos vibracionais.

Quando a consciência começa a se deslocar para o corpo astral, ela passa pelo corpo etérico. Neste momento, há uma espécie de “sobreposição” entre a consciência física e a etérica. O cérebro físico, ao interpretar as energias subtis e as cargas elétricas do corpo etérico, traduz essa experiência como uma sensação de formigamento. Isso pode acontecer por todo o corpo ou em partes específicas, dependendo da experiência individual.

Entender que o formigamento é uma reação natural do corpo e da consciência à transição energética pode ajudar a encarar a experiência de projeção astral de forma mais tranquila e positiva. Essa sensação é um indicativo de que a projeção está ocorrendo e que a consciência está se expandindo para além do físico.

Assim, ao invés de ser uma sensação alarmante, o formigamento pode ser visto como um sinal de progresso no caminho da projeção astral e da exploração consciente de outros planos de existência. A familiaridade com essas sensações e a compreensão de seu significado são passos importantes para quem pratica ou deseja praticar a projeção astral.

Sensação da Projeção Astral de Alongamento

Durante a projeção astral, a sensação de alongamento é uma experiência distinta, relacionada diretamente à bipercepção da consciência entre o corpo físico e o corpo astral. O corpo astral, por sua natureza, é mais sutil e flexível comparado ao corpo físico.

Quando parte da consciência permanece no corpo físico enquanto outra parte já está engajada com o corpo astral, ocorre um fenômeno único: a consciência que está começando a operar no âmbito do corpo astral processa informações de uma forma que o cérebro físico interpreta como se partes do corpo estivessem se alongando.

Esse alongamento não é físico no sentido tradicional, pois o corpo físico permanece imóvel e inalterado. No entanto, a sensação percebida é real para a pessoa que está passando pela experiência. Isso acontece porque o corpo astral não está sujeito às mesmas limitações físicas e espaciais que o corpo físico.

Dessa forma, quando a consciência transita para o corpo astral, ela pode experimentar uma sensação de expansão ou estiramento, como se estivesse se estendendo além dos limites físicos habituais.

Este fenômeno é um exemplo claro de como a consciência humana interpreta experiências não físicas através do filtro do cérebro físico. A bipercepção ocorre quando estamos cientes de sensações em dois corpos simultaneamente, o que pode levar a interpretações únicas e, às vezes, surpreendentes de tais experiências.

A sensação de alongamento, portanto, é um indicativo de que a consciência está ativamente explorando o espaço além do físico, utilizando o corpo astral, que permite uma liberdade de movimento e percepção muito maior do que estamos acostumados no estado de vigília comum.

Sensação da Projeção Astral e corpos dimensionais

Sensação da Projeção Astral de Luzes e Cores

Quando parte da consciência está transitando pelo corpo etérico e a outra parte está processando as informações com o cérebro físico, pode ocorrer a sensação de ver luzes e cores. Isso acontece porque o corpo etérico é composto por milhares de frequências vibracionais, que são percebidas como cores. Estas informações são então enviadas ao cérebro físico, que interpreta essas frequências como cores visíveis.

O cérebro físico, acostumado a processar informações sensoriais dentro de um espectro limitado, encontra-se diante de um novo tipo de estímulo vibracional proveniente do corpo etérico. As cores e luzes vistas durante este estado podem ser incrivelmente vívidas e variadas, oferecendo uma gama de experiências visuais que normalmente não são acessíveis no estado de consciência ordinária. Esta experiência visual é um reflexo direto da interação energética e vibracional no nível etérico, captada e interpretada pelo cérebro.

Entender este processo ajuda a esclarecer por que, durante práticas como a meditação profunda ou a projeção astral, indivíduos relatam ver luzes e cores intensas. Estas percepções não são meras ilusões ou artefatos da imaginação, mas sim manifestações diretas das interações energéticas em um nível mais sutil de nossa existência. Reconhecer a origem dessas experiências pode enriquecer a prática espiritual, oferecendo uma nova perspectiva sobre a complexa natureza da nossa consciência e da realidade que nos cerca.

Sensação da Projeção Astral de Zumbido

A sensação de zumbido durante a projeção astral pode ser comparada à experiência de perceber luzes e cores, mas, neste caso, o cérebro físico traduz as frequências não de maneira visual, mas auditiva. Isso ocorre quando parte da consciência está transitando pelo corpo etérico, enquanto a outra parte processa essa informação no cérebro físico. Como o corpo etérico é composto por uma ampla gama de frequências vibracionais, essas são interpretadas pelo cérebro físico como sons, resultando na sensação de zumbido.

Esse fenômeno de percepção de zumbidos é um indicativo de que a consciência está ativa em um estado de transição, interagindo com frequências que normalmente estão além da percepção sensorial no estado de vigília. A experiência pode variar de pessoa para pessoa, dependendo da sensibilidade individual e do nível de sintonia com o corpo etérico.

Entender a origem dessas sensações auditivas como uma interação natural entre a consciência e o corpo etérico pode ajudar a normalizar a experiência e a reduzir qualquer desconforto ou surpresa que possa surgir.

Essa compreensão também amplia a apreciação pelas complexas interações entre os diferentes aspectos da nossa existência multidimensional, proporcionando uma perspectiva mais rica sobre as capacidades perceptivas humanas durante práticas espirituais como a projeção astral.

Sensação da Projeção Astral de Coração Acelerado

A sensação de um coração acelerado durante a projeção astral é comumente associada ao medo físico do desconhecido. É importante notar que a prática da projeção astral ocorre todas as noites de maneira inconsciente; isto é, enquanto esses fenômenos se desenrolam, o cérebro físico está desligado, não participando ativamente da experiência.

No entanto, há momentos específicos em que o cérebro físico permanece ativo durante a projeção astral, e é nessas ocasiões que ele pode interpretar as sensações incomuns e a experiência em si como potenciais perigos ou até mesmo como uma ameaça de morte.

Nesses casos, o lado instintivo do cérebro responde liberando adrenalina na corrente sanguínea. Esta reação é uma resposta biológica ao que é percebido como uma situação de ameaça, resultando no aumento dos batimentos cardíacos.

A aceleração do coração, portanto, não é um indicativo direto de qualquer problema físico real, mas sim uma manifestação do medo e da ansiedade gerados pela experiência desconhecida e pela interpretação do cérebro físico.

Com a prática consciente e repetida da projeção astral, o cérebro físico começa a reconhecer que essas experiências não representam um risco real à segurança ou à vida. À medida que essa compreensão se aprofunda, o medo instintivo e a resposta de luta ou fuga associada diminuem em intensidade.

Consequentemente, os praticantes experientes de projeção astral frequentemente relatam uma diminuição ou mesmo a ausência de reações de medo, como o coração acelerado, à medida que se tornam mais familiarizados e confortáveis com a experiência.

O reconhecimento de que o coração acelerado é uma reação natural ao desconhecido e ao medo pode ajudar os praticantes de projeção astral a normalizar essa sensação. Com o tempo e a prática, é possível reduzir a ansiedade associada à projeção astral, permitindo uma experiência mais tranquila e enriquecedora.

curso de projeção astral site

Sensações da Projeção Astral

Existem infinitas sensações associadas à projeção astral, todas girando em torno do processo de percepção da consciência. Importante destacar, a consciência não se transfere de um ponto a outro de forma linear; ela está presente em todos os corpos simultaneamente. O que de fato ocorre são mudanças de foco.

Muitas vezes, esses focos se sobrepõem, fazendo com que experimentemos sensações fora do comum. À medida que praticamos os exercícios de projeção astral, essas sensações se tornam mais familiares e até agradáveis. O segredo está em acostumar o cérebro físico a todas elas.

Sensações como formigamento, percepção de luzes e cores, zumbidos, sensações de flutuação ou mesmo de peso podem ser experimentadas. Cada uma dessas sensações é uma manifestação de como nossa consciência interage com os diferentes corpos: físico, etérico e astral.

Por exemplo, ao experimentar a sensação de formigamento, estamos sentindo a energia do corpo etérico, uma camada sutil que interage diretamente com nosso corpo físico. Quando percebemos luzes e cores, é o cérebro físico traduzindo as frequências vibracionais do corpo etérico de maneira visual.

A sensação de um coração acelerado, por outro lado, reflete a reação do nosso corpo físico ao desconhecido, uma resposta natural de medo que pode ser atenuada com a prática e o entendimento de que a projeção astral é uma experiência segura. Da mesma forma, a catalepsia projetiva ou a sensação de paralisia do corpo nos mostra a interação complexa entre o estado de consciência focada no corpo astral e a inércia do corpo físico.

Compreender que estas sensações são naturais e parte integral do processo de projeção astral ajuda a minimizar o medo e a ansiedade que podem surgir. A prática consciente permite não apenas familiarizar-se com estas sensações, mas também aprender a navegar e controlar a experiência de projeção astral, tornando-a uma jornada enriquecedora de exploração da consciência.

O caminho para uma projeção astral bem-sucedida envolve o reconhecimento e a aceitação dessas sensações como indicadores de uma expansão da consciência para além do físico. À medida que o cérebro físico se acostuma com a multiplicidade de sensações, a experiência de projeção astral se torna cada vez mais fluida, agradável e enriquecedora, abrindo portas para uma compreensão mais profunda de nossa existência multidimensional.

Livros sobre Projeção Astral

Waldo Vieira – Projeções da Consciência: Diário de Experiências fora do Corpo

Escrito ao modo de um diário, o livro contém dezenas de relatos de experiências fora do corpo (EFC), vivenciadas pelo autor. A EFC ou projeção consciente é a experiência na qual a pessoa se-percebe lúcida e consciente fora de seu corpo, podendo inclusive manter contato com outras pessoas em igual condição ou que já não possuem mais o corpo físico, como por exemplo, conhecidos que já morreram ou benfeitores pessoais.

C. W. Leadbeater – Plano Astral e Plano Mental

C. W. Leadbeater explora em ‘Plano Astral e Plano Mental’ as complexidades dos universos não-físicos acessíveis através da consciência expandida. O livro detalha as características, habitantes e leis desses planos, oferecendo um guia profundo sobre a estrutura do invisível e o impacto desses domínios na evolução espiritual humana.

Sandie Gustus – Experiências Fora do Corpo ao Alcance de Todos: Guia Prático Para Compreender a Consciência e Usufruir os Benefícios da Vida Interdimensional

Este guia prático oferece uma abordagem acessível às experiências fora do corpo. Gustus fornece dicas, técnicas e insights para entender a consciência, explorar a vida interdimensional e aproveitar seus benefícios.

Conclusão

A projeção astral é acompanhada por uma vasta gama de sensações, cada uma oferecendo uma janela única para a percepção expandida da consciência. Essas sensações, infinitas em sua variedade, giram todas em torno do processo de percepção e foco da consciência, que não se transfere de um estado a outro de maneira binária, mas existe simultaneamente em múltiplos planos.

A chave para entender as sensações da projeção astral reside na compreensão de que a consciência se manifesta em todos os corpos ao mesmo tempo, e o que experienciamos são variações de foco, muitas vezes resultando em sobreposições de percepções.

As sensações da projeção astral são indicativos de uma consciência que explora além dos limites do corpo físico. Conforme nos tornamos mais adeptos aos exercícios de projeção astral, essas sensações se tornam marcadores de progresso e portais para experiências profundamente transformadoras.

O segredo para uma prática bem-sucedida e gratificante da projeção astral reside em acostumar o cérebro físico a essas sensações, reconhecendo-as como manifestações naturais de uma consciência que transcende o físico e explora a infinitude do astral.

Entre na lista

Inscreva-se para receber um presente e artigos semanais para aprofundar seus estudos:

atenção

Acabo de enviar um e-mail para você. Para garantir que receberá meu conteúdo, confirme sua inscrição clicando no link dentro do e-mail. Caso não encontre, verifique a caixa de spam. Aguardo você!

Inscreva-se no meu grupo

Inscreva-se no meu grupo do Telegram e receba diariamente artigos, vídeos, dicas de leitura, comunicados de lives e muito mais…